Início > comunicação social > O cheiro a podridão

O cheiro a podridão

Há mais de um mês que deixei que ouvir e ver noticiários, ler jornais ou aceder a sites informativos. Tudo por uma questão de higiene.

É uma situação parecida com a que se vive quando se está fora de Portugal.

Vou sabendo o que se passa através dos amigos que comentam o que vai acontecendo, das mensagens nas redes sociais ou das tvs que fazem parte do mobiliário de qualquer restaurante lusitano. Até agora acho que não perdi grande coisa.

A podridão em Portugal é tanta que ver, ler ou ouvir noticias é sentir o cheiro a podre entrar-me pelas narinas!

  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: